Cashback como recompensa: muito mais do que tendência no mercado de fidelização

Cashback é atraente para o bolso e já figura entre as recompensas mais valorizadas em programas de fidelidade. Os tradicionais programas que se baseiam em pontos, estão perdendo espaço porque a nova audiência, o consumidor 4.0, não quer esperar tanto para receber sua recompensa.

Conheça a opinião de Alexandre Primo, diretor de Marketing e Produtos da cxLoyalty sobre o tema.

  1. Como funciona o cashback no Brasil?

Percebemos a existência de uma movimentação muito grande no mercado brasileiro conectando cashback à fidelidade. É um tipo de recompensa que vem se destacando como grande alternativa à oferta de pontos. Por que essa alta? Cashback é dinheiro de volta, é recompensa imediata. Você faz uma compra online e tem parte do dinheiro que gastou de volta.

  1. Cashback no Brasil pode ser visto como tendência?

Na visão da cxLoyalty o cashback já é realidade e mais do que tendência de mercado. Há os programas de fidelidade próprios (que desenvolvemos ao cliente, mas a marca cxLoyalty não aparece)  e os de coalisão (em parceria). Existe uma movimentação intensa no mercado quanto ao melhor modelo de recompensa e o cashback é entrega de benefício imediato, enquanto o programa de pontos pode levar mais tempo para beneficiar o consumidor, dependendo do gasto. Recentemente mudamos de nome, fortalecendo essa tendência de cashback.

  1. Há quanto tempo estão no Brasil?

Em 2011, entramos no mercado brasileiro como Affinion e agora nos chamamos cxLoyalty, reforçar nosso posicionamento relacionado a fidelidade. Estamos no mercado há 7 anos com um clube Premium de cashback com 450 mil assinantes, mais de 300 dos principais e-commerces no Brasil e oferecendo o mínimo de 10% de cashback ao associado, sem restringir a loja ou produto. Assim, o consumidor tem o benefício para o que precisa e quer comprar, e não só para o que está com desconto. É democrático e não induz o cliente a gastos supérfluos.

  1. Como volta o dinheiro para o consumidor?

Atualmente volta na conta corrente do associado. No Compra e Volta, também há a opção de uso de parte do benefício para créditos em celular. Já em versões White Label (ou Private Label) há inúmeras maneiras de entregar o dinheiro ao cliente – seja em produtos ou descontos, por exemplo.

  1. Falando em projetos White Label, a cxLoyalty cria programas de fidelidade baseado em cashback para empresas?

Sim, desenvolvemos. E nesse caso, integramos conteúdo (recompensa) à tecnologia e entregamos a plataforma completa ao cliente, já com a marca dele. Além disso, podemos integrá-la a outras recompensas e gerenciar todo o fluxo de atendimento às demandas do cliente. Como somos especialistas em engajamento e jornada de clientes, trabalhamos de maneira consultiva às necessidades das marcas, gerenciando réguas de relacionamento e usamos de Data Driven marketing para personalizar experiências e alavancar o nível de engajamento e uso dos benefícios. Na Europa já atuamos com grandes bancos, empresas de telefonia e companhias aéreas.